Resenha: O Malabarista

05 abril 2016

Titulo:O Malabarista
Autor:Alessandro Kruschewsky Pithon
Editora: Novos Talentos – Novo Século
Páginas: 384
Classificação:
ADICIONE NO SKOOB   COMPRE 
O velho Heitor presenciou muitos fatos incríveis ao longo dos seus 82 anos de vida. Mas a chuva que caiu naquela noite sem nuvens foi uma grata surpresa, pois permitiu-lhe conhecer o jovem Matheus, com quem inicia uma grande amizade. Os dois encontram-se nas noites seguintes, e Heitor passa a compartilhar com o amigo sua impressionante história.Heitor nasceu e cresceu na mansão onde sua mãe, Maria, trabalhava como cozinheira. Sua vida se limitava aos fundos da casa, onde ficavam os quartos dos empregados Deti, o jardineiro, e de Valdelice, a arrumadeira. Seus patrões eram o casaI Alberto e Tereza, que tinham três filhos: Paulo, Maurício e Caroline.Acontecimentos imprevisíveis, secretos e até mesmo espirituais permeiam o lugar, no qual um garoto malabarista aparece para Heitor frequentemente. O decorrer da vida de Heitor é de intensa busca, viagens e deslocamentos, numa trajetória repleta de situações surpreendentes, fatos marcantes e reveladores, que o conduzem a significativas descobertas sobre o sentido da vida.



A história começa com Matheus retornando para casa de mais um dia de trabalho no seu emprego no cinema. Ele está fazendo o seu caminho de sempre e logo avista um velho senhor sentado no banco da calçada e com um livro nas mãos. Matheus mais uma vez se preparou para desejar boa noite e seguir o seu caminho quando começa a cair uma chuva de repente. Ambos se escondem da chuva debaixo de um sobrado e logo o senhor se apresenta a Matheus e eles começam uma conversa amigável. Heitor o velho senhor do banco acredita que nada acontece por acaso e se essa chuva foi na verdade para que eles pudessem se reunir. Matheus, no entanto está aflito para ir ao encontro de sua filha, mas Heitor com seus 82 anos tinha outros planos e muitas histórias para contar. E assim começa essa história super gostosa de ler.

O Malabarista é um livro que me deixou com aquele ar de que nada acontece por acaso mesmo. O engraçado nessa situação toda é que a chuva só cai em volta deles. Wou... Viagem. rsrs... Fica a pergunta: “Destino ou Destino?” haha... D-E-S-T-I-N-O ou não nasci aí uma grande amizade, e como eu disse muitas histórias a serem contadas. Chorosa desde já.

Basicamente o livro é marcado pela linda história de vida de Heitor. Sendo filho de uma cozinheira ele sofreu bastante preconceito da patroa da mãe que achava que os filhos eram bons demais para conviver com o “simples” filho da empregada. Não é por nada não minha gente, mas isso existe muito hoje. São pessoas que acham que são melhores que outras que só Cristo. 


Deixando essa questão vamos ao foco... Apesar dessa questão Heitor não foi um “coitado” ele foi sempre cercado de muito amor e carinho pelos pais e todos aqueles que o cercavam. Okay... Vamos agora há um fato um tanto curioso da vida de Heitor. Ele de vez em quando vê um garotinho fazendo malabaristo. Super normal, né não? Nops. Haha... Para completar a situação inusitada ele é o único que enxerga o tal garotinho. Surge aí uma forte ligação entre ele e o pequeno malabarista que se torna uma presença constante em sua vida. Algumas vezes o incentivando, outras vezes apenas como qualquer amigo só deixando sua presença ali para que Heitor não sinta a solidão, ou sinta-se apenas apoiado não importa os porquês das situações a serem vividas. Nossa... pra que mais lindo... Litros de lágrimas...

Esse livro é tão incrível... tão lindo... tão emocionante... e com tantos personagens fortes que fazem ou fizeram parte da história de Heitor que sério não tem como não se emocionar e viver a história que está ali sendo contada para Matheus. Sério leiam, se emocionem, chorem, vivam as histórias. Apenas muito perfeito.

Xoxo
Comente pelo Facebook

1 Comentário

  1. Não conhecia o livro, mas totalmente quero um malabarista pra aparecer só pra mim nas piores horas ou só pra fazer companhia e tal haha

    Beijos,
    Kemmy - Duas Leitoras|Vem participar da resenha premiada e top comentarista de abril

    ResponderExcluir

• Por favor, faça um comentário que se relacione com o tema da postagem;
• Estou aberta a críticas, sugestões e elogios. Porém, bom senso é sempre válido;
Obrigada pela visita,volte sempre :)

 
Desenvolvido por Michelly Melo| Modificação e ilustração por Bruna Lombardi| Cantinho da Bruna 3.0 - 2015 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS ©