{Texto} Ele é meu trevo de quatro folhas

11 dezembro 2016
Fonte: We Heart It
Você pode ler ouvindo No Regrets - Magic!


Queria que ele soubesse o que sinto enquanto o vejo deitado na minha cama, no finalzinho de domingo, minutos antes de dizer "ei, vou pra casa". Dá vontade de grudar ele na cama, abraçar e dizer "fica aqui hoje, esse tempo contigo não suficiente pra matar a saudade que sinto a semana toda" ou "a segunda-feira começaria de um jeito diferente se ao acordar, te visse dormindo ao meu lado".

Poderia dizer também que enquanto a moldura dele se funde em meu colchão, um nó na garganta surge e o medo de perder se faz presente, mesmo sabendo eu, que isso é só mais uma das minhas paranoias, aquelas que ele faz questão de excluir toda vez que me fala "obrigado por ter entrado na minha vida" e no embalo eu respondo "cê sabe, não vou sair dela".

Ele é trevo de quatro folhas. É a sorte que tive em encontrar um amor tranquilo e que hoje, é a sorte mais linda do mundo. Ele é aquela certeza que amar é bom demais e que corações quebrados podem se juntar e bater novamente. Ele é abraço casa que em questão de segundos se torna lar. É aquela musica que gruda na cabeça e não sai mais. É beijo na chuva e pés afundados na areia da praia. Ele é música para os ouvidos e ritmo acelerado para meu coração. É nas mãos dele que meus dedos adoram entrelaçar.

Ele entende as minhas paranoias e faz delas histórias para serem contadas na madrugada, quando a insônia bate e quando o que mais quero, é ouvir a sua voz enquanto chove (lá fora). Ele é a pessoa que entende meus medos e que compreende que muitas vezes, os monstros dos meus pesadelos são reais. Ele é abrigo quando meu mundo desmorona sem aviso prévio.

Ele é a gargalhada gostosa que solto quando decide me fazer cocegas e é dele as melhores teorias sobre as séries que assistimos. É dele que recebo os melhores elogios e é sobre ele que meus dedos mais gostam de escrever. É na voz dele que encontro paz e é no riso dele que encontro o meu.

Mesmo sem saber ele preenche o vazio que muitas vezes aparece e eu não conto. Ele sempre me enche muito dele e quando percebo, está enchendo um pouco mais de mim em mim mesma. Ele faz falta mesmo estando do meu lado um minuto depois de chegar. E sabe, eu acho que é por isso que a gente dá certo. A gente sente falta antes mesmo de partir.
Comente pelo Facebook

Nenhum comentário

Postar um comentário

• Por favor, faça um comentário que se relacione com o tema da postagem;
• Estou aberta a críticas, sugestões e elogios. Porém, bom senso é sempre válido;
Obrigada pela visita,volte sempre :)

 
Desenvolvido por Michelly Melo| Modificação e ilustração por Bruna Lombardi| Cantinho da Bruna 3.0 - 2015 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS ©