{Divulgação Kamila Villarreal} Segunda Chance | Quotes + Playlist

22 fevereiro 2017
Olá, meus amorekos!!! Tuuudo bem?? Hoje, continuando com a divulgação da nossa querida escritora Kamila Villarreal eu trouxe alguns quotes + uma playlist do livro Segunda Chance para vocês ficarem só na vontade. Haha Eu sei. E vocês já sabem eu não sou uma pessoa muito boa. rs Chega de enrolação e vamos que vamos...!

Diana parecia uma criança quando viu todos aqueles flocos caindo, era um espetáculo branco e bonito. Nem em seu melhor sonho, nem no seu livro favorito, ela imaginaria que passaria por tantas situações e, naquele momento, decidiu que Mikael Karlström era seu pote de ouro no fim do arco-íris.

Diana não pôde esconder um sorriso. De repente, passou a reparar naquele pai desesperado. Era um sueco bonito, não podia negar. Era alto, olhos azuis, pele um pouco queimada do sol, barba feita, braços fortes… Mas logo ela mandou para longe seus pensamentos, estava ficando doida. Onde já se viu comer com os olhos um homem que teve sua filha quase violentada?

Mikael foi para casa, só que, no fundo, queria mesmo era ter acompanhado Diana. Não sabia explicar, mas aquela mulher, totalmente diferente dos padrões que conhecia (fisicamente falando) tinha deixado-o encantado. Não sabia explicar, mas algo naquela baixinha, morena, de óculos de aros grossos o impressionava. Ou será que era coisa da sua cabeça?

(...)No melhor da conversa, já tinham chegado à avenida Paulista. Diana sentiu uma pontada de tristeza, pois queria ter mais tempo para conversar. Mal ela sabia que, ao descer do carro, Micke sentiu a mesma coisa.

Mikael foi se aproximando de Diana, murmurando algo que ela entendeu como "você está me deixando maluco" e a agarrou pela cintura, dando-lhe um beijo arrebatador. Ela correspondeu sem pestanejar. Trocaram um beijo tão ardente que não viram quando Lucrécia chegou até a porta da cozinha, mas recuou ao ver aquela cena tão… romântica?


 – Não posso acreditar – Mikael começou. – que tudo isso aconteceu. Se eu soubesse, teria vindo para o Brasil muito antes. – Diana não deixou de notar o português de Mikael, cada vez mais fluente, mas ainda com um pouco de sotaque, que ela achava sexy. Com certeza Marie lhe ensinou muitas coisas.

– Eu também não. Achei que, para se apaixonar, precisasse de meses. A que ponto chegamos, engenheiro Karlström?


De o play...


Gostaram? Partiu comprar... Lembrando que a resenha do livro está chegando. 
bjinhos de luz...!
Comente pelo Facebook

Nenhum comentário

Postar um comentário

• Por favor, faça um comentário que se relacione com o tema da postagem;
• Estou aberta a críticas, sugestões e elogios. Porém, bom senso é sempre válido;
Obrigada pela visita,volte sempre :)

 
Desenvolvido por Michelly Melo| Modificação e ilustração por Bruna Lombardi| Cantinho da Bruna 3.0 - 2015 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS ©